A Secretaria de Estado de Polícia Militar e a Secretaria de Estado de Polícia Civil atuaram em conjunto na Zona Norte da cidade do Rio neste domingo (06/01). A partir de informações de inteligência, equipes policiais realizaram operação na área para localizar criminosos envolvidos na morte do Soldado Daniel Henrique Mariotti, ocorrida na Linha Amarela no sábado (05/01).

O Comando de Operações Especiais (COE) da Polícia Militar – Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), Batalhão de Polícia de Choque (BPChq), Batalhão de Ações com Cães (BAC) e Grupamento Aeromóvel (GAM) – operaram nas comunidades Arará, Mandela e Manguinhos. Policiais militares do 3ºBPM (Méier), 16ºBPM (Olaria) e 22ºBPM (Maré) estiveram nas comunidades Morar Carioca e Bandeira 2. No Jacaré, atuaram equipes da Polícia Civil – Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE) e delegacias especializadas. A Secretaria de Estado de Polícia Civil também realizou investigações e obteve informações para futuras operações.

Em Manguinhos, equipes do BAC apreenderam mais de uma tonelada de drogas (540 tabletes de maconha de 2 quilos cada, 1.250 trouxinhas de maconha, um saco contendo 1 quilo de cocaína, 10 tabletes de maconha com 100g cada, 180 frascos de “cheirinho da Loló” e 410 pedras de crack).

No Mandela, o BPChq efetuou quatro prisões, apreendeu uma moto roubada e drogas.

Uma carga de produtos diversos roubada foi recuperada por policiais do BOPE e da UPP Manguinhos. A carga continha duas caixas de medicamentos, duas caixas contendo cerca de mil cartões de operadora de telefonia, 18 purificadores de água e 30 caixas contendo frascos de cloreto de sódio.

Na comunidade Bandeira 2, policiais apreenderam um menor com seis frascos de lança-perfume, 42 munições, dois celulares, um rádio comunicador e dinheiro em espécie.

As ocorrências foram encaminhadas para a 21ª DP e Central de Garantias Norte.

Assessoria