A BHTRANS se reuniu, com o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Belo Horizonte ( Setra-BH), nesta quarta-feira, 26/12, no prédio do Centro Integrado de Operações de Belo Horizonte para a definição das tarifas do transporte público por ônibus de Belo Horizonte.

Quem usa transporte público em Belo Horizonte terá que pagar mais caro a partir do próximo domingo, 30 de dezembro. A passagem de ônibus que custava R$ 4,05 (convencionais e Move) vai passar para R$ 4,50. O reajuste é de 11%.

Já a tarifa dos ônibus que atendem Vilas e Favelas vai de R$ 0,90 para R$ 1,00. As passagens que antes custavam R$ 2,85 (circular e alimentadoras) vão para R$ 3,15, e os táxi-lotação, que custavam R$ 4,45, passam para R$ 5,00.

De acordo com o presidente da BHTrans, Célio Bouzada, os reajustes aplicados estão abaixo dos índices de inflação do setor.

Outra novidade é que a Guarda Municipal estará presente nos coletivos no fim do dia e um grupo de trabalho será criado para pensar melhorias do transporte da cidade.

METRÔ EM GREVE

O metrô de Belo Horizonte está paralisado por tempo indeterminado desde o dia 19 de dezembro. Os metroviários reivindicam correção salarial e melhorias nas condições de trabalho.